Overbooking em voo para Pelotas provoca transtornos no Salgado Filho

    Depois de comprar passagens para Pelotas/Rio Grande, um grupo de pessoas não conseguiu embarcar no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, na tarde desta segunda-feira. A empresa aérea vendeu mais bilhetes do que o disponível no voo. Assim, a partida 04506, programada para as 16h02min, foi realizada com pelo menos seis pessoas do lado de fora, sem conseguir embarcar. O incidente causou desconforto e obrigou parte dos passageiros a seguir de ônibus para a Metade Sul.

    O bilhete foi adquirido pela TAM, mas o voo foi realizado em parceria pela NHT. O funcionário público Júlio Silveira, foi um dos usuários que não conseguiu embarcar para Rio Grande. Ele frisou que a NHT admitiu ter vendido bilhetes a mais. “A gente fez check in, a bagagem foi despachada e na hora do embarque não nos foi permitido embarcar por overbooking. A empresa alegou que a NHT, parceria da TAM, não cumpriu sua parceria e vendeu passagens além, inclusive as destinadas à TAM”, ressaltou.

    Silveira ainda relatou que a empresa ofereceu passagens de ônibus, que foram utilizadas por parte do grupo. O servidor público optou, contudo, por aguardar o voo, reprogramado para quarta-feira.

    Consultada pela reportagem, a empresa NHT informou que o sistema havia saído do ar, mas prometeu acomodar os passageiros em outros voos. Já a assessoria de imprensa da TAM comunicou que a responsabilidade é da empresa parceira.

    Fonte: Lucas Rivas – Rádio Guaíba
    Comentário meu – Interessante o sucesso deste vôo Porto Alegre – Pelotas – Rio Grande. Ainda que o valor das passagens seja alto (a partir de R$ 250,00 Poa-Pel, por exemplo), segundo informações as 4 frequências diárias apresentam lotação máxima seguidamente, em especial o trecho entre a capital e a cidade portuária.



    Comentários