Mating é concluído com sucesso em Rio Grande

    Foram 13 dias de um trabalho que consolida Rio Grande, no sul do Estado, como um dos principais polos navais do Brasil. O mating — união do casco com o convés — da plataforma P-55 foi concluído com sucesso na noite de sábado.
    O processo marcou também o maior içamento de peso da história da indústria offshore e é o mais audacioso projeto brasileiro, segundo a Petrobras. A operação consistiu no acoplamento entre o deckbox (parte superior) da plataforma, com o casco, a parte inferior. A estrutura de 17 mil toneladas foi erguida por um sistema de 12 guindastes ligados a 24 macacos hidráulicos. Para erguer a estrutura, foram utilizados 24 conjuntos de 54 cabos de aço cada. Cada cabo tem 18 milímetros de diâmetro e 60 metros de comprimento, totalizando cerca de 77 quilômetros. Ao todo, o deckbox foi içado a 47,2 metros de altura. 
    Para a entrada do casco no dique, foi necessário encher a estrutura de 350 metros de comprimento por 130 metros de largura e profundidade de 13,8 metros com 642 milhões de litros de água. A porta batel, que separa o dique do canal de acesso ao Porto, foi retirada, possibilitando a manobra.
    A próxima etapa será o esvaziamento do dique, até que o casco fique totalmente apoiado nos picadeiros (grandes blocos de concreto) no fundo da estrutura. Na sequência, será realizada a instalação dos módulos e a integração dos sistemas. A expectativa é de concluir o trabalho em até 90 dias.
     
    Fonte: Rafael Divério – Jornal Zero Hora



    Comentários