Cerimônia de conclusão das obras da P-58 e visita da Presidenta Dilma Rousseff às obras de construção dos cascos replicantes na cidade de Rio Grande (RS)

    * Este post será atualizado durante todo o dia. Acompanhem aqui e na página do Facebook, a partir das 8 horas desta sexta-feira, a cobertura completa da visita de Dilma Rousseff e da presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, ao Sul do Estado. *

    A cerimônia de inauguração da plataforma P-58 em Rio Grande, no Sul do Estado, começou pouco depois do meio-dia desta sexta-feira. Ao falar da indústria naval, a presidente Dilma Rousseff garantiu existência de vagas no setor. “Não há a menor possibilidade de não haver empregos na indústria naval”, afirmou no seu discurso.

    – Vocês estão viabilizando (com a construção das plataformas) que o nosso país invista a imensa riqueza do Campo de Libra na educação – completou Dilma, ao afirmar que serão necessárias entre 12 e 16 novas plataformas para a exploração da área do pré-sal.

    Apesar da apreensão dos trabalhadores por possíveis desligamentos no polo naval gaúcho, a presidente procurou tranquilizar os operários.

    – É impossível que haja algum risco de não haver contratos para produção.

    Para isso, no entanto, voltou a pedir a colaboração dos trabalhadores na entrega das obras nas datas acertadas.

    – A entrega em prazo certo é essencial para garantir a sequência na contratação de novos projetos, que garantem a continuidade dos empregos nos polos navais – afirmou a presidente.

    Foto: Roberto Stuckert Filho/PR


    Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

    11:50 – Dilma e Graça Foster visitam obras da P-58.

    Trabalhadores da Ecovix
    10:30 – Presidente Dilma chega a Rio Grande

    09:55 – Encerrada a entrevista no Aeroporto de Pelotas, Dilma agora desloca-se a Rio Grande, se direcionando ao Estaleiro Rio Grande onde acompanhará a construção de 8 cascos de FPSO pela Ecovix. No helicóptero também estão a ministra-chefe da Casa Civil Gleisi Hoffmann e o Governador do Rio Grande do Sul Tarso Genro.

    09:45 – “Não sei se vai ser ponte ou túnel (sobre a ligação entre Rio Grande e São José do Norte), mas posso te garantir que ela vai sair. Essa ligação é fundamental para complementar o polo naval.” 

    09:28 – Neste momento, Dilma concede entrevista as Rádios Bandeirantes e Cultura Riograndina. A entrevista pode ser ouvida aqui.

    09:25 – Com quase uma hora de atraso, Presidente Dilma Rousseff desembarca no Aeroporto de Pelotas. 

    08:55 – Dilma embarca no aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre.

    Com as presenças da presidenta da República, Dilma Rousseff, e da presidente da Petrobras, Maria das Graças Silva Foster, a Petrobras realiza, nesta sexta-feira (08/11), a partir das 10h, cerimônia de conclusão das obras da plataforma FPSO (plataforma que produz, armazena e transfere petróleo na sigla em inglês) P-58. A presidenta Dilma Rousseff e a presidente Graça Foster visitarão também as obras de construção dos cascos replicantes dos FPSOs para o pré-sal em andamento no Polo Naval de Rio Grande. A cerimônia acontecerá no Estaleiro Honório Bicalho, em Rio Grande (RS), e a visita ocorrerá no Polo Naval de Rio Grande.

    O evento marca a conclusão das obras da plataforma FPSO P-58 em Rio Grande. O navio convertido chegou ao Brasil em outubro de 2011, vindo de Cingapura, onde foi realizada a adequação do casco. As obras da P-58 geraram cerca de 4,5 mil empregos diretos. A P-58 será instalada no norte do Parque das Baleias, na Bacia de Campos, litoral do Espírito Santo e vai extrair petróleo tanto da camada pré-sal, quanto da camada pós-sal. Tem capacidade de produção de 180 mil barris de óleo por dia e de compressão de 6 milhões de m³ de gás por dia.

    Já os oito cascos de FPSOs estão sendo construídos para o desenvolvimento dos campos de petróleo do pré-sal nos blocos BM-S-9 e BM-S-11, localizados na Bacia de Santos. Os FPSOs replicantes são uma nova geração de plataformas, concebidas segundo parâmetros de simplificação de projetos e padronização de equipamentos. A produção, em série, de oito cascos idênticos permitirá maior rapidez no processo de construção, ganho de escala e consequente otimização de custos. Cada FPSO terá capacidade para processar até 150 mil barris por dia de óleo e 6 milhões de m³ de gás por dia.

    Programação prevista:

    08h          – Partida para Pelotas/RS
    .                  Aeroporto Salgado Filho – Porto Alegre/RS
    08h30     – Chegada a Pelotas
    .                  Aeroporto de Pelotas
    08h40     – Entrevista a emissoras locais de rádio
    .                  Aeroporto de Pelotas
    09h15     – Deslocamento para o município de Rio Grande/RS
    .                  Aeroporto de Pelotas
    10h          – Visita às obras de construção dos cascos replicantes
    .                  Estaleiro Rio Grande
    11h30      – Cerimônia de conclusão da Plataforma P-58
    .                  Estaleiro Honório Bicalho
    13h40     – Deslocamento para o município de Pelotas
    .                  Clube dos Praças CAMARIG – Rio Grande
    14h15     – Partida para Porto Alegre
    .                  Aeroporto de Pelotas
    14h45     – Chegada a Porto Alegre/RS
    .                  Aeroporto Salgado Filho

     ________________________________________________________  
    Curta o Blog no Facebook
    Receba as atualizações do Blog no seu e-mail (newsletter)   




    Comentários