Proa do casco da P-67 já está atracada no cais do ERG1

    Em uma operação inédita em Rio Grande, entre a madrugada e o meio da manhã da última quinta-feira, foi realizado o desembarque da proa do casco da plataforma P-67, que veio da China a bordo do navio Xiang Rui Kou. O navio chegou ao porto do Rio Grande na quarta-feira e, inicialmente, fundeou na área Delta, próxima do Estaleiro Rio Grande (ERG1). Depois, no final da tarde, foi fundeado em uma área em frente ao estaleiro para a ação de desembarque.
    A operação para descarga da peça, que é a metade do casco da P-67, iniciou por volta das 4h, com os procedimentos para o navio ir submergindo, para a peça flutuar. Por volta das 7h30min, o Xiang Rui Kou já tinha submergido até 17,6 metros e o chamado bloco MB01-67 começou a flutuar. Às 8h, o bloco estava fora do navio e sendo conduzido por quatro rebocadores para o cais Sul do ERG1, onde foi atracado. Por volta de 10h, a operação estava concluída.
    Essa peça, de 147 metros de comprimento, dez metros de altura, 50 metros de largura e peso de 21.530 toneladas, ficará no cais Sul por enquanto. Uma segunda parte do casco da P-67 virá da China no final de janeiro ou início de fevereiro. No ERG1, a Ecovix- Engevix está construindo a popa da P-67. Depois, as três partes serão unidas no dique seco.

    Fonte: Carmem Ziebell – Jornal Agora

     ________________________________________________________  
    Curta o Blog no Facebook
    Receba as atualizações do Blog no seu e-mail (newsletter)   




    Comentários