UTE Rio Grande no próximo leilão de energia do Governo Federal

    Três usinas termelétricas do Rio Grande do Sul – uma a gás natural e duas a carvão – estão inscritas no leilão de energia que a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) realiza no próximo dia 13. Havia dúvida se o preço teto de R$ 144 pelo megawatt-hora (MWh) iria afastar as empresas com empreendimentos nessa área, como ocorreu na licitação realizada em agosto.

    ACTSul, com projeto de termelétrica a carvão em Cachoeira do Sul, está inscrita. O valor do investimento previsto é estimado entre R$ 3 bilhões e R$ 3,5 bilhões, com potencial de geração de 650 megawatts (MW).

    Outro projeto gaúcho que estará no leilão é a UTE Rio Grande, usina a gás natural. O empreendimento de 1.238 MW é orçado em R$ 1,9 bilhão. Apesar de considerar baixo o preço estabelecido pelo governo, Ricardo Pigatto, diretor do complexo energético de Rio Grande, é otimista com a instalação da térmica. O Estado irá concorrer ainda com 129 parques eólicos e seis pequenas centrais hidrelétricas.

    No país, foram inscritos 687 empreendimentos que somam capacidade de produção de 21.130 MW.
     ________________________________________________________  
    Curta o Blog no Facebook
    Receba as atualizações do Blog no seu e-mail (newsletter)   




    Comentários