7ª Rodada de Negócios da Zona Sul comercializa cerca de R$ 7,8 milhões

    Com a presença de 241 micro e pequenas empresas vendedoras e 21 grandes compradoras (públicas e privadas), o SEBRAE/RS promoveu, nos dias 11 e 12, na Universidade Federal do Rio Grande (FURG), a 7ª Rodada de Negócios da Zona Sul. A promoção do encontro, que integrou a programação da 3ª Feira do Polo Naval, rendeu R$ 7,8 milhões em expectativa de fechamento de contratos, resultante de 908 reuniões de negócios realizadas entre as empresas.

    A ação do SEBRAE/RS contou com a parceria do Arranjo Produtivo Local (APL) do Polo Naval do Rio Grande do Sul e seu entorno e apoio da FIERGS, Rede Petro, Superintendência do Porto do Rio Grande, Prefeitura Municipal do Rio Grande, Petrobras e Fórum Regional do PROMIMP.

    Para o superintendente do SEBRAE/RS, Léo Hainzenreder, que visitou a Feira do Polo Naval, os excelentes indicadores registrados na rodada mostram a importância dos investimentos realizados na cadeia produtiva do petróleo, gás e energia e no Polo Naval. “A cada ano que passa, a rodada se fortalece mais, gerando oportunidades importantes de crescimento para as micro e pequenas empresas que atuam nestes segmentos”, ressaltou.

    O superintendente lembra que um detalhe fundamental na realização da rodada de negócios é que as pequenas empresas ganham a possibilidade de manter um contato direto com grandes players do setor, como Petrobras, Transpetro e Superintendência do Porto do Rio Grande, entre outros. “Com a ajuda do SEBRAE/RS, as portas dos grandes compradores passam a estar abertas aos empreendimentos de pequeno porte, que ganham uma chance inigualável de apresentar seus produtos”, salienta.

    A consultora Liane Brito, da empresa SGI, é a primeira vez que participa da Rodada de Negócios. Considerou positivo os contatos, os agendamentos com os fornecedores. No seu rosto estava claro a sua empolgação com a Feira. “A expectativa que construa parceria nesses dois dias na Rodada de Negócios”, afirmou Liane Brito.

    O diretor Técnico do SEBRAE/RS, Marco Kappel Ribeiro, também presente na mostra no grande evento do setor naval e energético, salientou a simetria que existe entre a feira e as rodadas de negócios. “Tenho convicção de que a rodada possibilita a vinda muitos empresários para prestigiarem a Feira do Polo Naval, ao mesmo tempo em que a mostra atua como um grande atrativo para que os empreendedores venham para Rio Grande”, falou.

    SEBRAE/RS na Feira

    Além da rodada de negócios, o SEBRAE/RS promove outras ações para ampliar os negócios das micro e pequenas empresas da Cadeia Produtiva de Petróleo, Gás e Energia do Estado. Um estande coletivo da instituição, com mais de 300m² de área permite que 35 MPEs dos projetos de Adensamento da Cadeia Produtiva do Petróleo, Gás e Energia das regiões Sul, Metropolitana e Serra Gaúcha tenham a chance de exporem seus produtos e serviços. As MPEs são das cidades de Cachoeirinha, Canoas, Caxias do Sul, Esteio, Flores da Cunha, Gravataí, Novo Hamburgo, Pelotas, Porto Alegre, Rio Grande, Sapucaia do Sul, São Leopoldo, Veranópolis e Viamão.

    Já no Estande Institucional do SEBRAE na feira estão sendo ofertadas consultorias em Gestão, Planejamento Estratégico, Plano de Negócios, assessorias em Marketing e na metodologia Canvas. Além disso, empresários das regiões da Serra, Sinos, Taquari, e do município de Porto Alegre participam da Feira do Polo Naval através de missões organizadas pelo SEBRAE/RS. Além de visitas técnicas aos estaleiros, à Refinaria Riograndense e ao Distrito Industrial de Rio Grande, os empreendedores participaram da rodada de negócios.
     ________________________________________________________  
    Curta o Blog no Facebook
    Receba as atualizações do Blog no seu e-mail (newsletter)   




    Comentários