Tecon Rio Grande aposta na conteineirização de commodities

    O Tecon Rio Grande iniciou embarques regulares de toras de madeira do oeste gaúcho para a China, com o foco no atendimento do mercado de construção civil daquele país. O terminal está preparado para escoar até 200 contêineres por mês, ano passado foram embarcados 137 contêineres de 40 pés.

    Seguindo a tendência de conteinerização de commodities, o terminal, em parceria com empresas e players de mercado, desenvolveu uma solução de logística e carregamento para viabilizar as exportações por Rio Grande. O Rio Grande do Sul, de acordo o Projeto Levantamento e Classificação do Uso da Terra do IBGE, possui cerca de 560 mil hectares de silvicultura. Os embarques das toras de madeira não obedecem a uma sazonalidade específica e acontecem o ano todo. Até então, maior parte da produção é exportada no estado de forma break bulk, em que a carga é transportada de forma avulsa, não conteinerizada.

    A aposta da conteinerização de novas cargas fez com que o Tecon Rio Grande investisse no fortalecimento e especialização de sua equipe comercial. Entre os projetos pilotos já desenvolvidos, estão o escoamento da soja, sorgo e careta de ferro (subproduto do minério de ferro).

    O terminal ainda exportou, no ano passado, 287 contêineres de careta de ferro para a Ásia. Milho e fertilizantes são outras commodities que estão em fase de prospecção.

    Fonte: Assessoria
     ________________________________________________________  
    Curta o Blog no Facebook
    Receba as atualizações do Blog no seu e-mail (newsletter)   




    Comentários