Gestum quer ampliar parcerias no RS

    A Gestum, empresa pelotense que desenvolve aplicações de e-learning e para gestão de talentos, criou uma área de alianças e canais para intensificar novamente a sua presença no Rio Grande do Sul.

    Com cerca de quinze anos de mercado, a companhia tem sede em Pelotas, mas conquistou boa parte de sua clientela fora do estado, com clientes do Rio de Janeiro e São Paulo, estados que formam a maioria do faturamento da empresa, que não divulgou valores.

    “Foi uma decisão estratégica que tomamos há anos, devido à alta demanda que tivemos nestes estados. Acabamos por alocar a grande parte de nossos recursos para clientes deste eixo e diminuímos nossa presença no Rio Grande do Sul”, admite Fabio Rocha, diretor de alianças da Gestum.

    Frase na fachada da sede da Gestum, em Pelotas, diz muito sobre a atuação da empresa

    De acordo com o executivo, essa reaproximação com o mercado gaúcho visa um crescimento de 5 a 7% no faturamento da empresa. A companhia mapeou diversas empresas de grande e médio porte no estado, com faturamentos que partem de R$ 50 milhões até R$ 300 milhões, para as quais ela planeja levar suas soluções.

    Somente no mercado de sistemas de treinamento (e-learning), Rocha avalia que o mercado gaúcho representa um faturamento potencial de R$ 25 milhões para a companhia.

    “Vejo que as empresas estão muito mais propensas a adquirirem soluções dedicadas a treinar e gerir os talentos de seus quadros de funcionários. O interesse já existia há algum tempo, mas agora a demanda está maior. Por isso queremos estar mais presentes”, analisa Rocha.

    No setor de ensino online, em 2012 a companhia adquiriu a paulista Taex, especializada em soluções neste segmento, de olho em um mercado que, segundo o IDC, deve ultrapassar R$ 1 bilhão em faturamento em 2017.

    A companhia pretende, principalmente, firmar dois tipos de parcerias com canais ao redor do Estado, focando na parte de conteúdo e de tecnologias, assim como também planeja alianças comerciais com consultorias.

    Conforme Rocha, a ideia é buscar, aproximadamente, três novos parceiros no estado. O programa também visa intensificar a participação da companhia em outros estados como Paraná e Minas Gerais.

    “Estamos buscando empresas interessadas em colaborar com o desenvolvimento de aplicações e conteúdos para nossa plataforma, adequando nossa metodologia às necessidades locais, mas também visamos empresas que tenham tecnologias de ERP ou BI e que tenham interesse em fazer integração com nossas soluções”, explica.

    Além da sede em Pelotas, a Gestum conta com uma filial em São Paulo. A companhia atende empresas como Boticário, Randon, TAM, Zaffari, TIM, Magazine Luiza, Roche, Electrolux, Carrefour, entre outras.

    Fonte: Leandro Souza – Portal Baguete
    ________________________________________________________  
    Curta o Blog no Facebook 

    Siga o Blog no Twitter
    Receba as atualizações do Blog no seu e-mail (newsletter)   




    Comentários