Estado divulga projeto de melhorias para o Aeroporto de Rio Grande

    Foram anunciadas na última semana, pelo secretário de Infraestrutura e Logística do Estado, João Victor Domingues, as definições sobre a concepção dos três aeroportos prioritários contemplados no Plano de Aviação Regional do Governo Federal para o Rio Grande do Sul. Entre eles está o Aeroporto de Rio Grande, junto aos aeroportos de Passo Fundo e Santa Rosa. De acordo com o governo há previsão de obras para 2015, mas ainda não foi divulgado o orçamento do projeto. 

    As próximas etapas para estes terminais são a criação do orçamento em um prazo de 60 dias e o processo de licitação por Regime Diferenciado de Contratação (RDC) com prazo estimado de mais 30 dias após a publicação do edital. O RDC permite que a mesma empresa faça o projeto executivo e realize a obra.

    O Programa de Desenvolvimento da Aviação Regional, do Governo Federal, prevê investimentos de R$ 7,3 bilhões em 270 aeroportos regionais brasileiros, conforme informações da Secretaria de Aviação Civil (SAC). Destes, 15 aeroportos estão no Rio Grande do Sul: Alegrete, Bagé, Caxias do Sul, Erechim, Gramado, Passo Fundo, Pelotas, Rio Grande, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santa Rosa, Santa Vitória do Palmar, Santo Ângelo, São Borja e Uruguaiana.

    Mudanças previstas no Aeroporto de Rio Grande:

    – Aeroporto Código 3C – Operação por instrumentos IFR diurno/noturno com implantação de VOR, Estação Metereológica de Superfície, estação de rádio EPTA, PAPI e casa de força;
    – Implantação de novo pátio de aeronaves com 23.784,00 m², com posição para até 8 (oito) aeronaves comerciais de grande porte ( família Boeing 737 e Airbus 319 e 320)
    – Implantação de Seção contraincêndio nível 5, de área total 4.148 m², sendo 290m² de área construída
    – Implantação de nova pista de taxi com 205,00 metros de comprimento, 4.112 m² e acostamento de 1.903 m²
    – Estacionamento de veículos para 206 vagas com 5.562 m²
    – Terminal de passageiros com 3.188 m²




    Comentários