4a EDIÇÃO DA FEIRA DO POLO NAVAL APRESENTA NOVIDADES

    convite

    Foco em energia e novo local foram anunciados na tarde de quinta-feira, 30 de julho

    A 4ª Feira do Polo Naval RS foi apresentada em evento realizado na tarde desta quinta-feira, 30, no Cidec-Sul da Universidade Federal do Rio Grande – FURGS, em Rio Grande/RS. Além de oficializar a data do evento, de 10 a 12 de novembro, o encontro proporcionou a apresentação das diversas atividades irão compor o evento. Com a temática “um superporto, um superpolo”, a feira irá homenagear o centenário dos 100 anos do Porto Novo, cais público, do Porto do Rio Grande.

    “Só conheço uma maneira de sair de momentos de crise que é trabalhando mais. Esse encontro de pessoas forma o capital social da região debatendo e fortalecendo as instituições pelo desenvolvimento conjunto da região. É o momento de unir forças e trabalhar para que a indústria naval, o setor portuário e as cidades cresçam”, afirmou o organizador Fernando Estima. Depois de três edições ocorrendo na estrutura da Universidade, a Feira do Polo Naval passará a ser realizada no Partage Shopping Rio Grande. “É um momento para que os esforços sejam somados e laços reforçados”, afirmou o vice-reitor Profº Drº. Danilo Giroldo.

    A Conferência Internacional em Tecnologias Naval e Offshore (NAVTEC), organizado pela Universidade do Rio Grande (FURG) e o Arranjo Produtivo Local Naval – APL NAVAL RS ocorrerá simultâneo ao evento. O professor Artur Gibbon explica que o evento “surgiu com a demanda tecnológica da indústria e a integração com a academia brasileira tem sido muito produtiva nos últimos anos e em 2015 serão analisados diversos gargalos tecnológicos durante o Navtec”. A Conferência reúne diversos protagonistas nacionais e internacionais.

    O Seminário de Direito, coordenado pelo escritório Arthur Baptista Rocha terá três linhas de atuação em 2015: competências do licenciamento ambiental; direito empresarial e; painel coorporativo. “É um evento que já passou mais de mil conferencistas e 40 palestrantes. Iremos construir um evento este ano em que teremos grandes debates principalmente no que tange o direito ambiental”, afirmou Arthur Baptista. Ainda durante o evento ocorrem as Rodadas de Negócios do Sebrae que irão reunir as empresas do setor naval, portuário e do ramo de energia.

    Novo Congresso
    Durante a Feira do Polo Naval será realizado o Sul Energia – Congresso e Exposição de Energia da Região Sul. “A metade sul tem um grande potencial. Iremos trabalhar com três grandes temáticas: geração – transmissão – distribuição; energias renováveis e; consumo e eficiência energética”, afirmou o diretor comercial da Gebras, Fabrício Iribarrem. O evento irá proporcionar a reunião entre os principais protagonistas do setor para debater as necessidades, potencialidades e desafios do setor energético brasileiro.

    Centenário – Em 2015 o evento irá ocorrer de 10 a 12 de novembro no Partage Shopping. A Feira do Polo Naval irá homenagear o centenário de atividades do Porto Novo, cais público da estrutura do porto gaúcho. O Porto Novo completa 100 anos no dia 15 e novembro de 2015.  “Só é possível ter Polo Naval e desenvolvimento na região, pois existe um porto com capacidade, multimodalidade e energia na sua operação atual e fôlego para muito crescimento”, afirmou o organizador Fernando Estima. Durante a feira, serão abordadas, nos diversos seminários, as questões portuárias que movimentam não somente o complexo, mas toda a região sul. Assuntos como transportes, meio ambiente, logística e projetos estruturantes serão tratados nos fóruns e debates. “Queremos ser parte desse momento tão importante para o Porto do Rio Grande, realizando essa homenagem e trazendo os principais protagonistas empresariais e políticos para olhar o porto e suas potencialidades”, conclui Estima.

    A 4ª edição da Feira do Polo Naval RS e o Sul Energia têm como promotores a Prefeitura Municipal de Rio Grande, FURG, Superintendência do Porto de Rio Grande, APL Polo Naval e Off Shore e Bolsa Continental de Mercadorias. Em 2014, a Feira do Polo Naval recebeu mais de 22 mil visitantes e gerou uma expectativa de negócios de US$ 56 milhões.




    Comentários