REUNIÕES DE FIM DE ANO PUXARAM VENDAS DOS SUPERMERCADOS NO RS

    supermercado

    As reuniões de familiares e amigos no Ano-Novo foram as responsáveis pelo aumento das vendas dos supermercados na reta final do ano de 2015. Somente as vendas do Réveillon tiveram crescimento nominal de 1% no setor. O cenário de instabilidade político-econômica que marcou o encerramento de 2015 não diminuiu o ímpeto dos gaúchos nas comemorações de final de ano. Depois de registrarem um crescimento nominal de 1,5% nas vendas de Natal, os supermercados do Estado cresceram 1% nas vendas de Ano-Novo, em valores não deflacionados, na comparação com a data no ano passado. Dentro do esperado, o resultado foi puxado pela maior ocorrência de festas em conjunto, que reuniram familiares e amigos na virada do dia 31 de dezembro e permitiram uma divisão das compras entre os participantes. O balanço é da Associação Gaúcha de Supermercados. Famílias e amigos reuniram-se em maior, número, cotizando as compras.
    ***
    Carne suína em alta Com os cortes bovinos mais caros, a tradicional carne suína foi uma das sensações deste Réveillon, com um crescimento de 15% na comparação com o fim de ano anterior. Outro prato típico muito procurado foi a lentilha, com incremento de 6% nas vendas. “Este é um item que não falta na mesa dos gaúchos, devido à superstição que já está consolidada. O gaúcho mostrou-se mais preocupado do que nunca em garantir vibrações positivas na Virada”, observou o presidente da AGAS Antônio Cesar Longo.




    Comentários