AMADEU FERNANDES É ELEITO PARA PRESIDIR O CIPEL

    amadeu fernades

    O empresário do setor de couros, Amadeu Fernandes,  foi aclamado no final da tarde de ontem (2) como novo presidente do Centro das Indústrias de Pelotas (Cipel) para o período 2016/2019. Ele substituirá o construtor Ricardo Michelon, que respondeu pelo cargo nos últimos quatro anos.

    O processo eleitoral ocorreu em clima de normalidade com apresentação de chapa única de consenso e acordo para a continuidade dos trabalhos durante a nova gestão.

    Em sua manifestação, Fernandes chamou atenção para o trabalho com foco na integração dos industriais locais, buscando ampliar os serviços prestados pelo Cipel em prol da defesa dos interesses da iniciativa privada.  Queremos dinamizar a entidade, respeitando sua história, defendendo os interes”ses de associados e mantendo sua representatividade perante a comunidade”, disse.

    Como novidade, o presidente eleito apresentou uma diretoria adjunta composta por industriais de nove diferentes segmentos econômicos. A ideia é trabalhar com ideias diferenciadas de gestão para buscar a inovação da indústria local.

    TRANSIÇÃO– A partir de hoje, o Cipel dá início à fase de transição de diretoria. A posse festiva ainda não tem data definida, mas deverá ocorrer dentro de 30 dias.

    NOVA DIRETORIA – A nova diretoria do Cipel é composta pelos seguintes industriais: Alfredo Alfredo Laborda Knorr; José Augusto Peter Vanzel; Ricardo Coelho Michelon; Roberto  Llanos de Ávila e Vittório Ardizone, nos cargos de vice-presidentes. Eduardo Osorio, Luiz Aristo e Jacques Reydams assumiram os cargos de secretaria, enquanto,  Ubirajara Terra, Gilmar Levian e Jairton Krüeger Russo foram empossados para responder pela tesouraria da entidade. O Conselho Fiscal será composto pelos empresários: Nelson Wendt; Mário Zanetti; Jorge Almeida; José Francisco Ruivo; Joaquim Silveira Costa e Claudio Sá.  A diretoria adjunta será composta por: Maurício Tavares; Alfredo Osório; Walter Poetsch; Helena Fragomeni; Leonardo Reichow; Luiz Carlos Pereira da Silva; Marta Robe; João Carlos Deschamps; Regina Roloff Marques; Rodrigo Real e Sandra Schneider.         




    Comentários