SALÃO DO EMPREENDEDOR RURAL EXPLORA OPORTUNIDADES E TENDÊNCIAS DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO

     

    Fruticultura é uma das cinco.

    Fruticultura é uma das cinco.

    Cinco segmentos de alto potencial para o cultivo em solo gaúcho serão detalhados durante a Expointer, entre 27 de agosto e 4 de setembro

    Informações sobre tendências e oportunidades do agronegócio no Rio Grande do Sul estarão à disposição dos visitantes da 39ª edição Expointer, maior evento do setor na América Latina. No Salão do Empreendedor Rural, iniciativa da FARSUL, do SENAR-RS e do SEBRAE/RS, através do Programa Juntos para Competir, espaços temáticos irão detalhar cinco segmentos de grande potencial para o Estado: vitivinicultura, apicultura, olericultura, fruticultura e olivicultura. A Expointer ocorre entre 27 de agosto e 4 de setembro no Parque de Exposições Assis Brasil (BR-116, Km 13, s/n) em Esteio.

    O papel da primeira edição do Salão do Empreendedor Rural é trabalhar fortemente o empreendedorismo no campo, tanto com novas possibilidades como no apoio à gestão das propriedades. Para cada segmento serão fornecidas todas as informações sobre cultivo e produção, levando em conta as condições climáticas e do solo gaúcho. Na apicultura, por exemplo, o visitante conhecerá as oportunidades de mercado, o valor de investimento, rentabilidade e os subprodutos, bem como a gestão do negócio. 

    Para explorar o universo da olericultura, óculos 3D permitirão um passeio pelo ambiente virtual, simulando as características reais de hortaliças. No espaço da fruticultura, toda a cadeia produtiva será detalhada. Entre os exemplos que serão mostrados está a cultura da uva, já consolidada no Rio Grande do Sul. Também será apresentado o cultivo de oliveiras, apontado como tendência de mercado e ainda recente em terras sulistas. As entidades têm trabalhado de forma intensiva para reunir informações sobre o setor e, assim, estimular a produção. As condições climáticas e o alto consumo do produto no Brasil, traz excelentes possibilidades para a olivicultura no Estado. 

    Atualmente, existem oito indústrias extratoras de azeite no Estado e três viveiros cadastrados para a produção de mudas. O espaço de plantio e outras informações que serão relevantes para quem tem interesse naolivicultura estarão reunidas no Salão do Empreendedor Rural.

    Salão do Empreendedor Rural

    O espaço, de 1.200 metros quadrados, irá destacar, ainda, a Arena do Conhecimento, onde o visitante terá acesso a capacitações e troca de experiências para melhoria de sua propriedade. Entre os principais assuntos, estão: Grandes Culturas Anuais – Milho; Apicultura; Fruticultura; Olericultura; Olivicultura; Turismo Rural; Empreendedorismo; Energia Sustentável e Tendências do Agronegócio. No Espaço de Atendimento, os empreendedores rurais terão acesso a duas ferramentas específicas, que irão fornecer suporte de gestão e diversificação produtiva. 

    A programação compreenderá, ainda, a já tradicional Vitrine da Carne Gaúcha, iniciativa da Farsul, que chega na sua oitava edição para destacar aspectos que agregam valor ao produto local. Por sua vez, a Vitrine da Alimentação e Nutrição destacará, através de receitas simples e práticas, a utilização dos principais produtos do Estado, entre eles o mel, as frutas e o mais recente azeite de oliva. A tecnologia também será um ponto importante do Salão. Serão demonstradas a aplicação prática de sistemas de irrigação, agricultura de precisão, uso dos drones e energia sustentável para a propriedade rural.   

    Além das entidades que integram o Juntos para Competir, o Salão do Empreendedor também conta com apoio da Emater e Embrapa, e de outras empresas do segmento.




    Comentários