PRESIDENTE DA EBSERH VEM A PELOTAS DAR POSSE À SUPERINTENDENTE

    Na próxima terça-feira (23), o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber Morais, dá posse à superintendente do Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE UFPel), Dra. Vera Maria Freitas da Silveira, em cerimônia no auditório do hospital, às 9h30min. Morais estará na região sul desde a segunda-feira (22), quando participará da inauguração da UTI Pediátrica do Hospital Universitário da Fundação Universidade do Rio Grande (HU FURG).

    Vinculada ao Ministério da Educação, a Ebserh administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

    MILHARES DE ATENDIMENTOS SERÃO REALIZADOS NO 2º MUTIRÃO NACIONAL DA REDE EBSERH

    Evento contará com a participação de todos os 39 hospitais filiados à estatal, nas cinco regiões do país

    Brasília (DF) – A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) realizará, no dia 31 de maio, a segunda edição do Mutirão Nacional da Rede Ebserh. O evento contará com a participação de todos os 39 hospitais universitários filiados à estatal, nas cinco regiões do país.

    Cada hospital atenderá a uma especialidade, com o objetivo de mitigar a demanda reprimida nas unidades e na rede do Sistema Único de Saúde (SUS), o que resultará em milhares de procedimentos médicos e ações educativas na área da saúde.

    Para o presidente da Ebserh, Kleber Morais, o evento destaca a mobilização dos hospitais universitários na busca da melhoria do sistema público de saúde. “O mutirão mostra a relevância da rede Ebserh para o SUS e para a população brasileira. É nosso papel oferecer atendimento a quem precisa e também ensino de qualidade”, analisou.

    No primeiro Mutirão, foram realizados 3.649 atendimentos em 22 Estados e Distrito Federal, incluindo 664 cirurgias, 879 consultas e 2,1 mil exames. Ao todo, estiveram envolvidos mais de 7,6 mil profissionais dentre médicos, enfermeiros e técnicos da área de saúde.

    Ainda na primeira edição do evento, os hospitais realizaram, algumas ações educacionais, avaliações oftalmológicas, auditiva, bucal, nutricional, enfim ações voltadas à prevenção de doenças, promoção de alimentação saudável, dentre outras. No segundo Mutirão, além de todos os procedimentos médicos, essas ações educativas serão intensificadas.

    “Denominamos de ações educacionais as ações voltadas à promoção e à prevenção em saúde. O objetivo é que envolvam alunos de graduação e pós-graduação, preceptores, docentes e demais profissionais necessários”, explicou a coordenadora de Formação Profissional da estatal, Caroline Brero.

    Pelotas

    No Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE UFPel) serão realizados exames, consultas e ações educacionais durante todo o dia 31. Estão previstas 40 tomografias computadorizadas, 25 ecocardiografias uni e bidimensional com doppler, 10 endoscopias digestivas altas e 10 colonoscopias. Também serão realizadas 48 consultas oftalmológicas, 50 consultas odontológicas e 15 consultas com dermatologista.

    Dentre as ações previstas, estão contemplados dois locais: no ambulatório do HE haverá campanha de prevenção ao câncer de boca e conversa informativa sobre atividade física e saúde com os pacientes e acompanhantes, e no Mercado Público será montada uma tenda com ação anti-tabagismo, aferição da pressão arterial e realização de medidas antropométricas, além de orientações sobre saúde.

    Sobre a Ebserh

    Estatal vinculada ao Ministério da Educação, a Ebserh administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

    O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.




    Comentários