SARTORI EM RELAÇÃO A ESTATAIS: VAMOS FAZER O QUE FOR NECESSÁRIO PARA INVESTIR NA SAÚDE, EDUCAÇÃO E SEGURANÇA

     Governador José Ivo Sartori participou no estúdios da Rádio Piratini, da gravação do programa Governo e Comunidade. Foto: Alex Rocha/Palácio Piratini

    Sobre a necessidade de vender ou federalizar empresas gaúchas de energia, o governador José Ivo Sartori, foi enfático em recente entrevista no programa Governo e Comunidade: “Precisamos dinheiro para a Saúde, para a Segurança, para a Educação, precisamos dos recursos para infraestrutura, para o transporte da produção”.

    Para o governador, parcerias público-privadas ou a federalização dessas estatais são alternativas essenciais. “Mas, evidentemente, a Assembleia Legislativa vai ficar com a questão de permitir a federalização ou a venda”, ressaltou.

    Sartori citou a Companhia Rio-Grandense de Mineração (CRM) como exemplo de empresa que, se precisar de aporte de recursos, no caso de resultados negativos ou problemas financeiros, o Estado não terá dinheiro para socorrê-la.

    O governador reiterou que está buscando o equilíbrio entre as receitas, as despesas e a necessidade de investimentos. E que, com a venda da CEEE, Sulgás e CRM,  aumentam as possibilidades de obtenção da recuperação fiscal que está sendo pleiteada pelo Estado junto ao governo federal.




    Comentários