RÁDIO UNIVERSIDADE COMEMORA 50 ANOS DE HISTÓRIA

    Uma relevante emissora do rádio em Pelotas completa meio século de história na próxima terça-feira (25). A Rádio Universidade (RU) foi testemunha de fatos inesquecíveis na história da região, do Brasil e do mundo. A emissora de onda média, fundada por Dom Antônia Zattera no dia 25 de Julho de 1967, está há 50 anos informando e dando voz aos cidadãos da zona Sul. A comemoração pela data começa na segunda-feira (24) e contará com diversas atividades itinerantes.

    Eleições nacionais e internacionais, posses de governantes, sucessão dos papas Paulo VI, João Paulo I e João Paulo II, direto do Vaticano, foram alguns dos importantes momentos em que a RU cumpriu o papel de informar. A Rádio testemunhou, também, a participação da gaúcha Rejane Vieira Costa no concurso de Miss Universo, em 1972, em Porto Rico, quando fez história como a primeira emissora local a fazer uma transmissão internacional.

    No esporte, sempre acompanhou e prestigiou o Esporte Clube Pelotas, o Grêmio Atlético Farroupilha e o Grêmio Esportivo Brasil em todas as competições que disputaram nestes 50 anos. Copas do Mundo, Copa Libertadores, amistosos da seleção brasileira e circuitos de Fórmula 1 também tiveram a cobertura do Time da Bola Branca, em Pelotas, no Estado, no país e em várias partes do mundo.

    A RU foi a primeira emissora local a utilizar vinhetas, que na época eram gravadas no Rio de Janeiro. “Universidade: o feitio do sucesso”, “A rádio da moda”, “Uma rádio diferente”, “Alegria em som presente” eram algumas das vinhetas do início das transmissões. As frases mostravam a proposta que a rádio adotava na época de sua fundação.

    A identidade religiosa da rádio se define pela coerência da programação com os princípios católicos e o desejo de contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e fraterna. Desse modo, a RU se destaca sempre em defesa das vidas mais fragilizadas. “Nossos microfones não devem estar a serviço dos poderosos, mas sim ao lado das categorias sociais mais discriminadas. Colocando no ar de forma democrática e ética aqueles temas que realmente interessam a comunidade”, destaca o diretor geral da rádio, padre Plutarco Almeida.

    A Rádio Universidade conta com diversas empresas que caminham lado a lado da instituição e divulgam seus serviços na programação da emissora. Há 46 anos no mercado local, o empresário Jaime Alberto Pereira, é o anunciante mais antigo da RU. O gestor é parceiro da rádio a mais de 40 anos, e devido ao amor pelo futebol, anuncia sua empresa e serviços no programa Papo da Bola. “Nossa cidade respira futebol, e temos uma rádio que representa muito bem os três clubes locais. Anunciar na RU foi uma escolha que sempre me proporcionou resultados positivos. É um prazer fazer parte desta história”, afirma.

    Semana de Comemoração

    Cinquenta anos de história merecem uma programação intensa. Para comemorar a data, a Rádio Universidade convida seus ouvintes a participarem das atividades planejadas para celebrar o meio século de história. Os eventos irão comunicar todos os públicos que prestigiam a programação da rádio cinqüentenária.

    A rádio da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) possui uma relação muito próxima com a comunidade acadêmica. Para acolher os alunos que estarão retornando para o segundo semestre letivo do ano, os programas Conexão RU e Lance Rápido serão transmitidos ao vivo, na segunda- feira às 14h30 e às 19h no saguão do Campus I. Através desta atividade se constrói, cada vez mais, uma rádio que se comunica com o público acadêmico.

    Em parceria com a Prefeitura Municipal, na terça-feira (25), a proposta é se aproximar da população pelotense. Uma atividade com caráter social e comunitário estará ocorrendo no largo do Mercado Público. Prestação de serviços, entretenimento e informação serão os pilares desta tarde de comemoração. A programação das 13h às 19h será transmitida ao vivo do local.

    Na quarta-feira (26), um jantar festivo irá ocorrer na Associação Comercial de Pelotas. A confraternização reunirá funcionários, autoridades da UCPel e da Arquidiocese de Pelotas, associações de classe, lideranças comunitárias, classes políticas e público ouvinte. Os ingressos podem ser adquiridos nos estúdios da RU e do programa Pelotas 13h.

    A esquina mais famosa de Pelotas também será palco para a comemoração. O Café Aquários receberá os programas 13 Horas e Conexão RU na quinta-feira (27), das 13h às 17h30. No turno da noite, a celebração segue juntamente com o vizinho Posto São José (PSJ), que também comemora 50 anos. Uma mesa redonda para debater o esporte local e comemorar a data foi a ação escolhida.

    Na sexta-feira (28), o Bom Dia RU será transmitido diretamente da Câmara de Vereadores, e logo após uma sessão solene encerra o turno.  Na Catedral Metropolitana de Pelotas, às 18h30 ocorrerá a celebração dos 50 anos, que lembrará a essência religiosa da Rádio Universidade. No domingo (30), às 9h30, um passeio ciclístico com saída da sede da RU encerra as festividades.

    Para a gerente executiva da RU, Clarice Becker, durante a semana de celebração, a rádio conseguirá interagir com todos os ouvintes que fazem parte destes 50 anos de história. “Mesmo que de uma forma singela, estaremos conversando com todas as pessoas que interagem conosco”, finaliza.

    Planos para o futuro

    A tecnologia já tomou conta do dia a dia da população, e com isso a maioria das mídias tradicionais estão sofrendo grandes impactos em função do surgimento de novos veículos de comunicação. Estas novidades, porém, não devem ser vistas como inimigas do rádio e sim como parceiras que possibilitam o seu crescimento.

    A RU já trabalha com a tecnologia a seu favor. A rádio foi a primeira do interior do estado a ter um aplicativo próprio para smartphone, possibilitando ao seu ouvinte o acesso através do aparelho celular. “A RU está no 1160 AM aqui para Pelotas e região, mas ela está no mundo pela internet, seja pelo site ou pelo aplicativo”, comenta Clarice Becker.

    O diretor padre Plutarco acredita que o rádio seja a mídia que mais tem a ganhar neste momento de novos recursos digitais. “Se quisermos continuar ocupando espaço na mente e no coração das pessoas temos que firmar parcerias e buscar novas configurações”, afirma. O desafio que a RU se propõe a viver é aproveitar os benefícios das novas tecnologias e encarar com profissionalismo e ética os apelos de uma sociedade plural e dinâmica.

    A Rádio Universidade quer conquistar o seu espaço nestes cenários desafiadores dos tempos atuais. A direção acredita que a comunidade ouvinte precisa de uma rádio moderna, mas que não perca a sua identidade e o seu perfil de emissora comprometida com a justiça e a verdade.




    Comentários