SARTORI APRESENTA AÇÕES DE SEU GOVERNO EM PELOTAS

    Pelo menos 300 pessoas acompanharam a reunião-almoço com a presença do governador José Ivo Sartori (PMDB), promovida ontem (25), em Pelotas. O evento foi realizado através da Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul) em parceria com as  Alianças Pelotas e Rio Grande, no Tourist Executive Hotel.

    Durante 50 minutos, Sartori falou dos esforços do governo do Estado para diminuir as burocracias e aumentar o potencial de investimentos para o Rio Grande do Sul. A palestra “O Rio Grande saiu na frente” apresentou a realidade financeira, os cenários e contextos contemporâneos em nível estadual e nacional, e as mudanças promovidas pela sua gestão.   Entre as principais ações governamentais, citou o Programa de Inovação em Mobilidade Urbana, Logística e Transporte (Mult), criado para fomentar inovações tecnológicas nos mais diversos setores, com parcerias entre universidades, governo e empresas. “O programa foi pensado para atrair investimentos, principalmente para o setor automobilístico, em benefício das empresas e de todos os sistemistas envolvidos. Ainda ontem est ive na Argentina conversando com empresários que podem vir ao RS para buscar soluções e novos negócios”, explicou.

    Segundo o governador, as parcerias público-privadas poderiam ser uma alternativa, mas até o momento não há condições financeiras. “As políticas públicas, sim, estão sendo preservadas porque são necessárias e fundamentais para o Poder Público fazer o que precisa ser feito”, acrescentou. Sobre o investimento de R$ 1,4bi no RS feito pela General Motors. O governador lembrou que o Mult poderá ser acessado junto aos fornecedores que produzem no território gaúcho.

    DOCUMENTO – As lideranças da região entregaram documento regional reivindicatório com pautas contemplando a iniciativa privada e as 23 prefeituras da região. O presidente da Azonasul, Favio Telis, prefeito de Jaguarão, agradeceu a deferência do governador em participar de um evento na zona sul e ouvir os anseios das lideranças. Segundo ele, as mudanças já impostas pela atual gestão estadual foram de suma importância e devem contribuir para a recuperação financeira do RS.




    Comentários