COLUNA CAMINHOS DA ZONA SUL – DIÁRIO DA MANHÃ – 12/09/2017

    CAMINHOS DA ZONA SUL

    www.caminhosdazonasul.com____________________Paulo Gastal Neto

    De Brasília

    Luta – Cá estamos novamente na capital. O Treze Horas, a R.U., o site e a coluna Caminhos da Zona Sul, um grande número de lideranças de Pelotas e Rio Grande com o intuito de prosseguir insistindo na necessidade de se manter as obras da BR-116 e mais do que isso, incrementá-la a partir de 2018. Uma obra que já era para estar pronta em 2015 não fossem os inúmeros problemas que o país vem enfrentando tanto no campo econômico quanto político. Dois nomes na Câmara Federal vêm capitaneando a luta que tem encontro marcado com o ministro dos transportes nesta quarta-feira: os deputados Cajar Nardes e Afonso Hamm, que lidera a Frente Parlamentar em Defesa da Duplicação. Em Pelotas e Rio Grande, Gilmar Bazanella e Antônio Carlos Bachieri Duarte, respectivamente, se destacam em manter a ‘chama acesa’ da duplicação! Como eu dizia ao Clayton Rocha na vinda para cá ontem à noite: Vamos fazer o nosso papel que é de cobrar das forças políticas que a obra prossiga. É isso!

    ***

    É na esteira desta luta que a região, aos poucos, mesmo com inúmeras dificuldades e após muita união das Alianças Pelotas e Rio Grande, vai conquistando quilômetro por quilômetro. Nem que seja assim até o fim. Para ontem estava programada a entrega de mais um trecho duplicado ao tráfego de veículos no contorno de Pelotas. A liberação estende-se do quilômetro 526 da BR-116, próximo a empresa Puro Grão, ao quilômetro 522,7, na ponte sobre a Barragem Santa Bárbara. Ao todo são mais 3,3 quilômetros que estarão operando em pista dupla. O trecho também compreende o viaduto construído no entroncamento da BR-116 com a Avenida Herbert Hadler, localizado no quilômetro 525,520. A movimentação de veículos que era realizada em desvio na rua lateral direita, no sentido Porto Alegre – Jaguarão passa a fluir em pista dupla na parte superior do viaduto. A liberação inclui ainda os movimentos de tráfego na parte inferior da estrutura para acesso local.

    ***

    O Contorno de Pelotas está com 88,5% da obra concluída, esta é a sexta entrega de trecho ao tráfego que ocorre no trecho. A primeira aconteceu em março de 2015 compreendendo cinco quilômetros próximos ao bairro Sítio Floresta. Dos 23,7 quilômetros do empreendimento, aproximadamente 16 quilômetros agora operam em pista dupla. As liberações de trecho acontecem com o apoio da concessionária Ecosul e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

    ***

    PPP – O governo do estado lançou primeira etapa do Plano Estadual de Saneamento (Planesan), que pretende estabelecer ações prioritárias para ampliar, nos próximos 20 anos, o alcance de redes de água e esgoto no em todo o território gaúcho. O documento abrange quatro eixos – abastecimento de água, esgotamento sanitário, limpeza urbana e drenagem de águas pluviais em áreas urbanas. A principal preocupação é com os sistemas de esgoto: segundo dados do governo gaúcho, apenas 14% do que é gerado nas cidades gaúchas é efetivamente coletado e tratado. Na atual etapa, o plano prevê a realização de audiências públicas em 25 cidades, ligadas às bacias hidrográficas do Estado. Nesses locais, também será realizada a análise do índice de salubridade ambiental de cada bacia, para identificar situações mais críticas. As discussões e laudos devem ajudar a projetar o que precisa ser feito nas próximas duas décadas, tanto em termos de obras quanto em possíveis mudanças de legislação nas esferas municipal e estadual. A previsão é que o levantamento inicial do Planesan esteja concluído até início de 2019. No momento, apenas São Paulo e Ceará dispõem de planos semelhantes, atendendo às exigências da Política Nacional de Saneamento Básico. Os planos de saneamento farão parte das exigências indispensáveis a prefeituras e estados que queiram acessar a verbas públicas federais através de projetos. A lei estadual existe desde 2003, mas ainda não tinha motivado maiores movimentações por parte de diferentes governos. No momento, 317 cidades gaúchas são atendidas pela Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), enquanto alguns municípios maiores – como Porto Alegre, Caxias do Sul, Pelotas, Bagé e Novo Hamburgo – contam com estruturas próprias para esse serviço.

    ***

    Cultura – Um recital vai celebrar os 99 anos do Conservatório de Música da UFPEL e formalizará a abertura das festividades alusivas ao seu centenário. O evento tem entrada franca e será no dia 18 de setembro, próxima segunda-feira, às 19h30min, no Salão Nobre da Bibliotheca Pública Pelotense, com a coordenação da professora Leonora Oxley Rodrigues, diretora da Instituição. O recital tem como foco principal abrir as comemorações dos 100 anos do Conservatório de Música. São parceiros e apoiadores dessa data significativa o Curi Palace Hotel, a Catedral São Francisco de Paula, a Bibliotheca Pública Pelotense, a Secretaria de Cultura de Pelotas, Fecomercio e SESC-RS.

    ***

    Até a próxima!




    Comentários